sexta-feira, 20 de julho de 2012

Sabias que...


A proteína de soro de leite é proveniente tal como o nome indica, do soro do leite, o que proporciona o mais alto valor biológico de proteína. Possui alto teor de aminoácidos essenciais necessários para o ganho de massa muscular magra.
A proteína ajuda na reconstrução muscular e impulsiona o nível de energia, permitindo treinos mais intensos.
Fornece ao organismo as fontes necessárias para a produção de aminoácidos utilizados posteriormente para a formação de tecido muscular.
A proteína do soro de leite é também anti-oxidante e ajuda a manter um sistema imunitário saudável.
É 100% natural e quase 0% de gordura, aliás existem já muitas opções com 0% gordura.
A proteína também pode ser encontrada no peixe, carne, ovos, queijo fresco, etc, no entanto para quem treina, e principalmente faz musculação, é praticamente impossível ir buscar á comida os valores necessários e indicados de proteína para uma correcta recuperação e desempenho.
Para um praticante de musculação por exemplo, são indicados cerca de 2g de proteína por kilo de peso. Com o tipo de treino que esta pessoa faz os seus musculos consomem bastante proteína. Ou seja se eu peso 50kg, deveria consumir cerca de 100g de proteína por dia. Para encontrar estas 100g de proteína na comida eu teria de ingerir por exemplo 5 bifes de frango por dia, o que não parece prático, nem viável, nem de fácil aplicação para além de que nestes bifes de frango não estaria a consumir só a proteína mas também gordura. Imaginemos então para alguém que pese 75kg e necessita de 150g de proteína por dia, seria ainda mais dificil e inviável.
Assim uma forma de encontrar a quantidade necessária é ingerindo um suplemento puro de proteína.
Ainda na perda de peso aliada ao exercício físico, a proteína do soro de leite permite um equilibrio dos niveis de açucar no organismo, permitindo menos sensação de fome, maior energia e maior perda de gordura, sendo então benéfica também na perda de peso.
Por ser feita de soro de leite, possui um alto teor de lactose, portanto atenção a quem tem alergias á lactose. No entanto já existem também no mercado opções sem lactose ou proteína de soja. Informa-te.
Deve ser sempre também consumida com a prática regular de exercício físico.


Já tomei o meu pequeno-almoço de proteína Whey, aveia e iogurte de soja, com bagas goji e uma bela fatia de ananás. Agora treino...