domingo, 9 de setembro de 2012

Adiar...

Pior do que não saber o que fazer para mudar a nossa vida ou para alcançar aquilo que gostávamos de ter, é saber e depois nada fazer! Adiamos vezes sem conta, e quando se volta a aproximar voltamos a adiar! A luz faz-se na nossa cabeça, sabemos finalmente o que precisamos de realizar e como o faremos, mas o medo de falhar, de perder, o medo de sentir a insegurança, o medo de acharmos que não estamos á altura paralisa-nos e adiamos, pois assim torna-se mais fácil e podemos dizer a nós próprios que o vamos fazer, mas ainda não é o momento certo!
Ficamos alegres e sentimo-nos vitoriosos porque segundo nós o mais difícil já está feito, o chegar a uma decisão, o desenhar o caminho a seguir já foi a tarefa mais dura, e autoconvencemo-nos de que agora ainda não é o momento certo para a colocar em prática mas que em breve o faremos. E o tempo passa...Dizemos por exemplo, "finalmente percebi que a melhor actividade para mim é a dança, não gosto de musculação e correr é o que todos acabam por fazer, eu quero uma coisa diferente e que mude o meu corpo, inclusivé já escolhi a escola que tem os horários que melhor se adaptam"... mas nunca dizemos o resto da frase..."só me falta IR"! Mas fazemos isto em todas as áreas da nossa vida e autosabotamo-nos...
Adiar é uma forma fácil de fugirmos de nós, das nossas decisões e dos outros, e uma forma de não sairmos da nossa zona de segurança e sentir todas as sensações que nos provocam mal estar interior...mas que no fim nos mudariam a nós e á nossa vida!
Pára de adiar e de mentir a ti próprio...
Acredita!