sexta-feira, 12 de abril de 2013

10 NÃO É IGUAL A 20!

Se pensas que treinar 10 minutos é tão eficaz como treinar 15 minutos....Estás muito errada! Treinar 10 minutos é muito melhor e mais eficaz do que não treinar, mas não é igual a 15 ou 20 minutos.
Por mais intenso que seja, a razão é uma questão de bioquímica do nosso corpo.
O ideal é treinar no mínimo 30 minutos, e em casos "urgentes" 20 minutos. 45 minutos seria perfeito!
Primeiro que tudo o teu corpo não vai libertar hormonas como testosterona, endorfina, serotonina, etc, que são hormonas metabólicas, queimadores de gordura e culpadas pelo crescimento muscular, num treino de apenas 10 minutos. Tens de treinar pelo menos 20 minutos para esta libertação acontecer. E quanto mais forte, intenso e puxado for o trabalho durante o treino, maior será o tempo em que o teu metabolismo continuará acelerado e a queimar calorias após o treino.

Existem então duas coisas que influenciam o trabalho do metabolismo após o exercício, a intensidade e a duração do treino! Se treinas intensamente durante cerca de 30 minutos o teu corpo continuará a trabalhar mesmo após o treino ter terminado. Se treinares 10 minutos, tal não irá acontecer porque não houve tempo para as hormonas serem libertadas.

Por isso, se fores uma pessoa com pouco tempo livre, se és mãe de crianças pequenas, encontra formas de te exercitar pelo menos 30 minutos por dia. Por exemplo ir brincar com as crianças para a praia, fazer passeios na montanha se vives por perto com as crianças, colocá-las numa bicicleta aproveitando o peso delas no "reboque" para pedalar, colocar um bebé no carrinho e fazer jogging a empurrar o carro, aproveitar quando eles vão dormir e treinar 30 minutos em frente a um DVD de fitness...Nós fazemos o nosso tempo consoante as nossas prioridades e a nossa força de vontade.

Bons treinos!