segunda-feira, 19 de agosto de 2013

COMO SABER SE JÁ PERDESTE O PESO SUFICIENTE? QUANDO PARAR?


Podemos encontrar esta resposta tendo em conta uma questão de valores e numeros, mas não estou a falar do peso na balança, pois esse é o que menos importa e sabemos disso.
Falo de valores reais, médicos.
Faz um check-up, vai ao médico, no caso de não seres já acompanhada, e pede para fazer um chek-up de análises. Vê os valores do colesterol, o valor dos triglicéridos, os niveis de açucar, a pressão arterial, analisa a proporção dos teus valores de massa gorda corporal e massa muscular no total do teu corpo.
Se tiveres valores normais e saudaveis em todos estes parâmetros, significa que estás bem, em forma e saudável.

Mas estou a ter em conta o factor saúde e não estou a falar do factor estético.






O facto de os teus valores estarem ok e continuares a vestir um 38 ou 40 pode querer dizer que clinicamente falando estás óptima e não precisas perder mais peso! Outra coisa é dizer que, esteticamente tu não queres vestir um 38 ou 40, queres continuar a perder peso ou queres alcançar por exemplo 15% de massa gorda em vez de 25%, ou queres ter mais massa muscular...isto é a razão estética a falar e é igualmente aceitável que o desejes (ou não), desde que não seja de uma forma exagerada claro!


 
É importante que tu também saibas onde queres chegar e te sintas bem com isso. Aliás é o mais importante.


Normalmente, quando entras num estilo de vida de perda de peso, vais sentir ao início e durante algum tempo os quilos a descer de uma forma relativamente rápida.

Quando te faltarem cerca de 3/4 quilos vais sentir um abrandamento e uma maior dificuldade em queimar esses ultimos quilinhos. Mas atenção: se sentires que estabilizaste, que te começas a sentir constantemente cansada, com falta de energia, de mau humor ou facilmente irritável fica alerta, pois pode ser o teu corpo a dar-te um sinal de que já chega, de que precisa de mais alimento e que estás a ficar demasiado magra para o teu tipo de corpo e a tua estrutura. Ouve o teu corpo acima de tudo!


O objectivo não é termos todos o mesmo peso na balança, o objectivo é cada um encontrar o seu equilíbrio de uma forma saudável e respeitando o seu próprio corpo, cada um com as suas diferenças.

Bons treinos!